administração, criatividade, inspiração

Resiliência ou Resistência?

Você já enfrentou uma situação adversa? Acredito que sim! A maioria das pessoas já passou por isso, seja lá qual tenha sido a dificuldade enfrentada. Você resistiu bravamente à adversidade? Ou você foi resiliente?

Muito se fala hoje sobre a capacidade de ser resiliente ao enfrentar dificuldades. A verdade é que muitas pessoas são resistentes e não resilientes. Você sabe a diferença entre essas duas coisas?

Continue lendo “Resiliência ou Resistência?”

Anúncios
administração, gestão, inovação, liderança, transformação digital

Maestria Digital - Liderando a Transformação Digital nas Empresas

Você já assistiu a uma orquestra tocando? Como é possível que todos os músicos toquem com tamanha sincronia e harmonia? É claro que uma dose gigantesca de treino é necessária. Mas vai além disso… É preciso que um maestro esteja à frente da orquestra, indicando onde cada músico deve começar a tocar, criando experiências sensoriais para quem ouve a música, conferindo leveza e harmonia, sem roubar todo o brilho da orquestra. Além disso, o maestro é o responsável por manter e controlar o ritmo da execução, manter o equilíbrio harmônico e liderar a estética musical a ser apresentada.

A pergunta é: o que isso tem a ver com Transformação Digital?

maestro

A Transformação Digital pode ser comparada, em certa medida, a uma orquestra sinfônica. Existem vários atores, cada um com seu papel delimitado e suas habilidades. A orquestra é responsável por transformar toda a linguagem musical escrita em algo visível e sonoro, através de sua produção sonora. A Transformação Digital também é a conversão de ações e processos em produção visível e perceptível para o cliente, percebida através do valor entregue, seja através de elementos tecnológicos que visam facilitar e desburocratizar os serviços, seja na forma de relacionamento que a empresa deseja ter com o cliente em um mundo cada vez mais conectado e social. Tal qual uma orquestra, o processo de transformação digital de uma empresa precisa de maestros para conduzir a jornada.

O que fazem os maestros digitais? Maestros digitais usam a tecnologia para transformar seus negócios e obtém mais vantagem e competitividade do que seus concorrentes. Os benefícios não são visíveis somente nas relações com o consumidor final, mas afetam também diretamente suas operações internas, o que sustenta o resultado e aumenta a vantagem diante de um mercado com inúmeras – e por que não dizer infinitas? – possibilidades para o consumidor moderno, que muitas vezes está buscando personalização de serviços e produtos de forma rápida e fácil de ser adquirida.

Não se trata mais somente de vender produtos, mas sim de fazer parte da vida do consumidor, fundindo as operações da empresa com o cotidiano das pessoas, de forma natural e suave. Tome como exemplo hoje o Facebook e o WhatsApp. São plataformas que já fazem parte da vida do consumidor de forma integrada e natural. Quem nunca acordou logo cedo e deu aquela olhadinha básica nas redes sociais para se manter informado e conectado?

As pessoas buscam cada vez mais a conexão e o senso de pertencimento, ao mesmo tempo em que buscam diferenciação e personalização de produtos e serviços, de forma individualizada, embora desejem que o produto seja acessível a todos, mas não com as mesmas experiências pois cada pessoa tem seu uso único, baseado em suas necessidades individuais. Desta forma, as empresas que souberem como oferecer experiências únicas e integradas, estarão um passo à frente na Transformação Digital.

Mas afinal, o que os maestros digitais fazem de diferente? Como você pode desenvolver sua própria maestria digital? Antes de mais nada, é preciso entender que a maestria é algo a ser desenvolvido, qualquer que seja a sua área de atuação e seu desejo de crescimento. Não acontece da noite pro dia. Pode levar semanas, meses, anos! É preciso construir a maestria dia após dia, de forma a abrir oportunidades e ganhar espaço em um mundo cada vez menor. Há diferentes caminhos para a maestria. O fato é que, apesar dos diversos caminhos, a maestria envolve muito mais do que simplesmente investir em capacidades e habilidades digitais, embora seja um bom começo. É preciso desenvolver habilidades e capacidades de lideranças digitais. E isso é fundamental, principalmente quando estamos falando de uma empresa.

O livro Leading Digital Transformation (Harvard Review) apresenta uma pesquisa bastante interessante sobre o desenvolvimento de maestria digital nas empresas. A pesquisa buscou entender qual é o DNA das empresas que demonstram ter maestria digital. No começo da pesquisa, não havia um caminho claro para a busca de respostas. Os pesquisadores apenas sabiam que as grandes empresas estavam fazendo muito mais sobre Transformação Digital do que a mídia sabia ou divulgava sobre o assunto. Ou seja, era um processo de construção silencioso e “invisível”, de certa forma, tal qual os ensaios de uma orquestra sinfônica.

Os pesquisadores conversaram com 150 líderes de 50 grandes empresas ao redor do mundo e descobriram que essas empresas já estavam investindo em tecnologias digitais, social media, mobilidade e big data, por exemplo. No entanto, mesmo assim, algumas empresas pareciam se destacar ainda mais no aspecto Transformação Digital. O motivo? A forma como a Transformação Digital estava sendo conduzida e liderada.

A maestria digital abrange duas dimensões críticas: o quê a tecnologia faz (capacidades digitais) e como a mudança é liderada (capacidades de liderança). O fato é que estas duas dimensões atuam de forma diferente, embora estejam entrelaçadas em seus caminhos. O investimento feito em tecnologia é um ponto a ser analisado. Mas a forma como você vai usar estes investimentos para transformar a sua empresa é verdadeiramente a chave do sucesso. Ainda na comparação com a orquestra, o violino que você vai comprar pode afetar consideravelmente a qualidade do som produzido, porém, em última instância, é o seu talento e sua dedicação no treino e estudo que vai garantir a maior parte do resultado.

 

Capacidades Digitais

Maestros Digitais sabem onde e como investir em oportunidades digitais. O tamanho do investimento não é tão importante quanto a sua razão. E isso me fez lembrar do círculo dourado do Simon Sinek. Comece sempre com o POR QUÊ! Os maestros digitais enxergam a tecnologia como um caminho para mudar as formas de se fazer negócios. As métricas de social media, mobilidade e analytics não são o objetivo da Transformação Digital. Pelo contrário, são ferramentas que indicam a efetividade do relacionamento com o consumidor. Portanto, se sua empresa está investindo apenas em métricas, sem ter conhecimento claro de como esses números estão realmente afetando o seu negócio, sinto lhe informar, mas você não está realizando uma transformação digital, está apenas digitalizando o seu negócio e isso é somente uma pequena parte do processo de Transformação Digital.

 

Capacidades de Liderança

Para os maestros digitais, as capacidades de liderança são as peças chaves para transformar tecnologia em transformação. É preciso, no entanto, parar de romantizar a Transformação Digital. Ela não acontece no sentido bottom-up, ou seja, de baixo para cima, começando pelas bases. Não são os músicos que buscam um maestro. Em geral, é o maestro quem seleciona os melhores músicos para compor a sua orquestra.

As empresas estudadas não tiveram bons resultados em implementar uma transformação começando pelas bases. A transformação precisa ser top-down, ou seja, de cima para baixo, começando pelas camadas superiores da hierarquia. E por que isso é tão importante? A capacidade de liderança é fator fundamental para o sucesso da transformação. Por isso é importante que ela comece, principalmente, com as camadas mais altas da liderança.

Isso não quer dizer que a transformação precisa ser enfiada goela abaixo. Não é isso! O fato é que se não houver um perfil e papel de liderança e direcionamento da empresa que esteja claro e visível para todos, a transformação nunca irá atingir todas as camadas da empresa. É preciso engajar e aproximar as pessoas para o processo de Transformação Digital. Neste aspecto, é sempre útil contar com pessoas com perfil e capacidade de liderança em todas as camadas da organização, da mais alta até a mais baixa. De volta ao exemplo do maestro, a orquestra até pode conseguir alguma execução musical sem a presença de um maestro. Mas o fato é que o melhor resultado sempre virá quando a orquestra estiver sob a condução do maestro. Por isso precisamos de lideranças que conduzam a Transformação Digital, que norteiem o caminho, que indiquem a direção, que sustentem a execução do processo.

O maestro não busca os louros somente para si. Ele sabe que sem a orquestra o trabalho dele não seria nada. Há uma interdependência entre todos. E essa é a parte incrível da Transformação Digital. Há uma interdependência cada vez maior entre as áreas. A mudança jamais ocorrerá se as áreas não reconhecerem seu papel e sua importância na colaboração com as demais áreas da empresa. Um bom maestro saberá como fazer a interligação entre as áreas para que a obra final seja a desejada.

Antes de encerrar, gostaria de deixar uma frase de Michelangelo: “Se as pessoas soubessem o quão duramente eu trabalhei para obter a minha habilidade, ela não pareceria tão maravilhosa depois de tudo.” Se você deseja obter sua maestria digital, saiba que o caminho não será somente suave e cheio de flores. Envolverá muito esforço, estudo e dedicação. Não há um caminho único a ser trilhado! E é por isso que eu estou aqui. Conte comigo para desenvolver sua maestria e trilhar o caminho da Transformação Digital.

E então: você quer ser um maestro digital?

 

administração, criatividade, Criatividade e Inovação, eBook, ferramentas, inovação, inspiração, inteligência

Lançamento Oficial: Cri-Atividade Nossa de Cada Dia

Você já ouviu dizer que toda pessoa deveria plantar uma árvore, ter um filho e escrever um livro, né?! 🌳 👶 📚

Pois é, me faltava o livro!!! 😬

Foram meses incríveis se dedicando a este projeto, feito com muito carinho e dedicação para você que acompanha meu trabalho. E finalmente ele nasceu!! 😁😁 Eu estava ansiosa para dar essa notícia a vocês… 🤩🤩🤩🤩🤩

Se você, assim como grande parte da humanidade, acha difícil ser criativo no seu dia a dia e vive esperando por um milagre, aquele pensamento mágico, aquele “click” que vai mudar o mundo, este é o livro certo para você! 🙌

Sem fórmulas mirabolantes e sem muita ladainha, o livro vai apresentar para você um caminho simples e prático para que você seja mais criativo em seu dia a dia. 🤩

E para você é leitor do blog, deixei alguns cupons para que você compre o livro com preço promocional por tempo limitado. É só clicar aqui!

Mockup

administração, inspiração, Vendas

A verdade sobre a Black Friday

Amigos, trago verdades…
 
Eu sei que provavelmente você comprou algo na Black Friday. E se não comprou, tenho certeza que pelo menos deu uma “pesquisada” nos preços de algo que esteja querendo comprar (seja por necessidade, seja por desejo). O fato é que a Black Friday nada mais é do que nosso atestado de trouxa!! É isso mesmo! Somos trouxas, o tempo todo, todos os dias, o ano inteiro. Sabe por quê? Afora os preços maquiados (celular de R$ 1099,99 por R$ 699,99) e majorados ao extremo para passar a falsa ilusão de que estamos tendo algum desconto em alguma coisa, quando encontramos algo com um desconto real, podemos perceber o quanto as empresas superfaturam e lucram com as suas vendas diárias. Se algo que comprei hoje por R$ 299,00 (estou falando de uma compra real que fiz agora há pouco) gera lucro para a empresa (porque eu duvido que a empresa vá vender algo que lhe traga prejuízo), imagine o quanto ela lucra vendendo o mesmo item, todos os dias, por R$ 459,00. É meu amigo! Pagamos o preço todos os dias. Um preço muito alto, por sinal!!!
 
A Black Friday deveria ser uma estratégia de venda para renovação de estoque das empresas, onde ela vende os itens da coleção antiga por um preço reduzido para levantar fundos para investir em uma nova coleção que está sendo lançada, o que faz o produto girar e garante que a empresa tenha sempre um estoque atualizado, com os itens de lançamento mais recentes. Porém, o que vem acontecendo aqui nos últimos anos não é somente isso. Trata-se de uma bela oportunidade para esfregar na nossa cara o nosso atestado de trouxa, de população mau instruída, que se acotovela nos corredores da loja de departamentos para garantir 20 desodorantes para si, apenas porque está em promoção, de uma população que está gastando o que não tem para comprar o que não precisa e que, paga, todos os dias, um preço muito alto pelo consumo irracional.
 
Mas… Como ninguém é de ferro… Enquanto a realidade não muda, vamos lá aproveitar aquilo que realmente tem algum “desconto” – ou, dito de outro modo, vamos lá aproveitar aquilo que finalmente está sendo vendido por um preço justo – e que é algo que está além dos nossos desejos instintivos de comprar por medo da escassez, mas que supre as nossas necessidades reais. E não estou falando da necessidade de exibir bens para a sociedade…
 
#prontofalei #ficaadica #blackfriday
administração, criatividade, Criatividade e Inovação, frase, Frases, ideia, inspiração

Startup Weekend – Eu fui! #SWTaquaritinga

Neste fim de semana participei de um evento incrível que rolou aqui na minha cidade: o Startup Weekend. Pra quem não sabe o que é uma Startup Weekend, sugiro que leia aqui. Você também vai encontrar uma infinidade de informações no Google sobre o que é e como é uma Startup Weekend.

Basicamente, você tem um final de semana, começando na sexta à noite e terminando no domingo à noite, para descobrir um problema, validá-lo junto ao seu público alvo, apresentar uma ideia/solução, validar a ideia e então criar uma “empresa” em cima disso.

O evento é inspirador e transformador!! Os mentores colocam um milhão de questionamentos e ideias contraditórias em sua mente e você precisa de, NO MÍNIMO, muita resiliência e calma para conseguir seguir a diante.

Continue lendo “Startup Weekend – Eu fui! #SWTaquaritinga”

administração

Falhando em falhar 

Estamos falhando em falhar! Simples assim. Estamos errando no modo de errar. Ok, eu também sei, ninguém gosta de falhar. Ninguém quer ter uma vida marcada por falhas, por erros, por desacertos, por desencontros.

Mas o fato é que falhar pode ser importante. Falhar não precisa ser visto apenas como algo negativo, como um demérito para quem erra. Falhar também tem seu lado positivo!

Falhar ou errar envolve aprendizado. É através de erros que aprendemos as diversas formas de não se fazer algo, os diversos caminhos que não nos levam exatamente ao lugar onde queremos chegar. Seria muito bom se pudéssemos sempre saber o que fazer ou como fazer, se pudéssemos ser sempre assertivos. Mas se tudo fosse tão maravilhosamente certo assim, quantas experiências e vivências perderíamos? Quantas emoções sentiríamos na nossa jornada?

Continue lendo “Falhando em falhar “

administração, frase, Frases, inspiração, inteligência

Seres inconclusos

Somos seres inconclusos. Nunca estamos completamente prontos e preparados. Para nada! Sim, estamos sempre inacabados, incompletos, inconclusos. Nunca chegamos ao ponto onde terminamos tudo o que gostaríamos de ter feito. Nunca alcançamos o nível de excelência que julgamos precisar. 

“Na verdade, o inacabamento do ser humano ou a sua inconclusão é próprio da experiência vital. Onde há vida, há inacabamento.” (Paulo Freire)

A vantagem disso é que sempre há espaço para melhorar. Sempre há campo para evoluir! Sempre há oportunidades para explorar…

E você? Sente que ainda há muito para construir em sua vida!